Make of Ô de casa na Galeria REFSA–Crato CE.

Mostra SESC Cariri de Culturas

O convite foi irrecusável, estou em casa e recebo ligação do SESC Fortaleza. – Alexandre, bom dia a Secretaria de Cultura do Crato nos cedeu o Centro Cultural do Araripe, …, queremos saber se você tem interesse de ocupar espaço? Muito bom!

Centro Cultural do Araripe, Galeria REFSA Crato CE - Mostra SESC Cariri de CulturasCentro Cultural do Araripe, Galeria REFSA Crato CE - Mostra SESC Cariri de Cultura

Como se organiza montagem de exposição em um mês? Com calma.

Quais são as prioridades? Controle agenda e faça sua parte, é meio caminho andado… Desde a produção dos tecidos para o Geraldo Junior pintar e intervir durante evento

todo planejamento paralelo de decidir critérios dos trabalhos que seriam levados ao Cariri, embalagem, peso, medidas, transporte… O que esse conjunto selecionado que dizer? Por que?  planejei cada dia antes do embarque, muito feliz e muito consciente das oportunidades e desafios de apresentar Exposição e laboratório aberto Ô de Casa, em parceira com o SESC Cariri e Secretaria de Cultura do Crato.

Enquanto tecia demandava pensamentos, telefonemas, fotos, textos, trocas de e-mails. Resoluções.

A arte da tecelagem por Alexandre Heberte. Comemorando dez anos radicado em São Paulo, pela primeira vez do mundo virtual para minha terra o Cariri Cearense.

tecidos artesanais para laboratório aberto no CaririVanderlei Pecovisk

Ajuda preciosa de amigos, por que ninguém faz nada sozinho. Embarquei para o Juazeiro fortalecido. Confiante.

Quando entrei no meu quarto, na casa dos meus pais, com toda exposição embalada – passou um filme. Que luxo. Que privilégio!

A primeira vez do meu primeiro tear de pente liço urdido e tramado ali na terra do Padre Cicero.

Primeira vez fazendo debruns, amarrações, corte de arame, ponto tela, produzindo novas obras, concluindo acabamentos de outras. Visitas técnicas. Visita de outros artistas, amigos. Mamãe, papai, meus irmãos, todos vivenciando esse movimento que a tecelagem promove – a intimidade do feito à mão. Você tem que está muito atento aos detalhes, e mesmo assim talvez alguma coisa escape, e o barato é lidar com a gestão do imprevisto (aprendi com Henrique Schucman, isso).

Alexandre Heberte exposicao o de casa (379)Geraldo Junior, Alexandre Heberte e VanderleiTrama VHS, reaproveitamento de fitas VHS, Casa VogueAlexandre Heberte exposicao o de casa (394)Alexandre Heberte exposicao o de casa (405)Alexandre Heberte exposicao o de casa (423)Alexandre Heberte exposicao o de casa (425)Alexandre Heberte exposicao o de casa (426)Alexandre Heberte exposicao o de casa (427)

Vanderlei Pecovisk muito grato. Geraldo Junior muito grato. Luiza Lubec muito grato. Celso Bem, Diego Linard e Renato Dantas, muito grato – João Batista, toda equipe do SESC, da Secretaria de Cultura do Crato, muito obrigado.

Foi especial.

Alexandre Heberte exposicao o de casa (265)Alexandre Heberte exposicao o de casa (475)

Alexandre Heberte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita.